Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

Diariamente

Queria estar nessa página
Pretendia ser o rosto da foto
A voz do outro lado do telefone

Gostaria de ficar entre os livros
Enfiada dentro do bolso
Misturada com o gosto do almoço

Desejava mesmo se esconder nos lençóis
No cheiro dos travesseiros
Embaixo do edredom

Aparecer de repente
Permanecer em lembranças
Se fazer na memória

Mamãe entende tudo

Mamãe, Papai, Gogô, Gogó
Titio, Titia, Nana, Nani
Momó, iau, auau, cocó
Guga, Gugu, Neném, Homi

Bebê acorda cedo
Criança dorme tarde

Bibiti, titi, pua-pua, bincá
Baná, uá, caine, memê
Ma, gol, coco, Patá
Atchi, Agne, Não, Neném

Bebê quer colinho
Criança corre rápido

Ama, lua, hun hun, papá
Iá, Grilo, pá ,pé
Bala, um, oi, puá
Cocô, xixi, pum, chulé

Bebê gosta de leite
Criança quer chocolate

Retalhos

... Clarinha não pensou duas vezes, abriu a porta meio rápido e deu de cara com ele, sentado no chão.
A casa era estranha, parecia suja, mas eram as paredes mal pintadas que traziam uma sensação terrível de desconforto. No meio da sala entre almofadas, revistas, livros, cigarros e meio copo de alguma bebida vermelha, estava o rapaz: cabelos raspados, ouvia musica no ipod e anotava informações, como era de costume fazer.
- Vim assim que pude. Aconteceu alguma coisa? O que pode ser tão urgente?
Martin tirou os fones de ouvido e a convidou para entrar:
- Sente-se comigo, preciso te mostrar uma coisa.
Delicadamente ela fechou a porta e tirou os sapatos, deixou seu allstar ao lado do dele e seguiu em direção a varanda. Foram os maiores cinco passos que deu em sua vida, entre lembranças e curiosidade, foi filmando todo o lugar. Enfim sentou na sua frente e perguntou se podia abaixar o som.
-Cortei meus cabelos, como símbolo da nova pessoa que me tornei. Aluguei esse apartamento que é o ícone da…